Você com certeza já sabe da importância da geração de leads para o seu negócio, certo? Afinal, um lead é uma pessoa que, com o incentivo certo, pode se tornar um cliente da sua empresa. No entanto, para que isso aconteça, você precisa entender tudo sobre como gerar esses leads.

Apesar desse assunto parecer um tanto quanto complexo, prometemos que não é. Nesse texto vamos esmiuçar todos os detalhes que você precisa saber para começar a fazer geração de leads para o seu negócio. Confira:

Mas antes de irmos para a parte prática da geração de leads: você ainda tem alguma dúvida sobre o conceito de leads? Então confira nosso texto completo sobre qualificação e geração de leads no seu negócio.

Papel e caneta na mão? Então vamos lá.

Como Atrair Visitantes para o seu site

Conheça a sua persona

O primeiro passo para atrair visitantes é saber quem você quer atrair, e para isso você precisa conhecer a sua persona.

A persona é um personagem fictício com o perfil do seu cliente ideal, contendo todas as informações necessárias para que você entenda as dores, expectativas, problemas e necessidades do seu cliente.

A persona deve guiar as principais ações da sua estratégia de marketing, assim é possível concentrar os esforços da equipe em atividades que vão atrair as pessoas que realmente têm interesse no seu negócio. Com uma persona em mente fica bem mais fácil responder algumas perguntas, como por exemplo: qual tom de voz devo utilizar para falar com o meu público? Em quais mídias meu negócio deve se fazer presente? E ainda uma outra questão que pode surgir mais tarde na leitura desse texto: quais conteúdos devem ser disponibilizados no meu site?

Para construir a persona você pode fazer pesquisas com clientes, com o time de vendas ou até em redes sociais como o Facebook e o LinkedIn.

Tenha um site com blog

Um blog é uma das melhores ferramentas para atrair usuários até o seu site. Através dele é possível disponibilizar textos relevantes, que realmente atendam as expectativas e resolvam os problemas das suas personas.

Com postagens regulares e de qualidade, sua empresa pode mostrar que realmente entende da área de negócio em que ela tua, construindo autoridade sobre o assunto na Internet. Assim os usuários vão começar a confiar na sua empresa e quando chegar a hora de informar os dados para se tornarem leads, eles se sentirão confortáveis para fazer isso.

Não é à toa que a maioria das empresas têm apostado em blogs para atrair usuários. Com a estratégia correta, um blog pode se tornar a principal porta de entrada de usuários em um site.

Mas de nada adianta construir um blog e produzir posts de qualidade se eles não serão lidos por ninguém, certo? Por isso é muito importante investir em SEO!

Invista em SEO

SEO é a sigla para Search Engine Optimization (ou otimização para mecanismos de busca) e consiste em um conjunto de técnicas para fazer seus conteúdos serem encontrados através de ferramentas de busca como o Google.

Hoje em dia é imprescindível investir em SEO. As pessoas recorrem ao Google para tudo: para tirar dúvidas, resolver problemas e até para comprar. Então, se a sua persona pesquisar por algum problema que a sua empresa pode resolver, você certamente quer ser a primeira coisa que ela vai achar, não é?

Ter um site otimizado para mecanismos de busca é um longo processo, que vai desde modificações na arquitetura do site até a otimização de imagens e títulos, por isso poderíamos escrever um grande e-book apenas com o passo a passo para fazer isso, mas para não nos alongarmos muito vamos te dar apenas algumas dicas básicas:

  • Pesquise palavras-chave (termos de busca) para as quais você quer ranquear em 1º lugar.
  • Tenha um site com uma boa usabilidade e carregamento rápido.
  • Faça parcerias de troca de posts convidados (guest post) entre sites parceiros.
  • Otimize a navegação do seu site para dispositivos móveis.

 

Anotou todas as nossas dicas para atrair usuários? Agora é hora de aprender como transformar esses usuários em leads!

Como fazer Geração de Leads

1 – Crie Conteúdos Relevantes

Eu sei, você provavelmente já ouviu essa dica em vários outros lugares na Internet, mas essa é a alma da geração de leads: ter conteúdos tão relevantes que façam os usuários quererem fornecer seus dados para recebê-los. Afinal, em um mercado tão concorrido, o que realmente pode diferenciar sua empresa dos concorrentes é o quanto você pode resolver problemas dos seus clientes de forma rápida.

Para isso você pode investir em tipos diferentes de conteúdo, de acordo com o que sua persona quer. Para te ajudar nisso, listamos abaixo os tipos de conteúdo que mais geram resultados para as empresas no mercado atual, suas vantagens e como eles são produzidos.

E-books

E-books são livros digitais, geralmente disponibilizados em formato de PDF. A grande vantagem de utilizar esse tipo de conteúdo para geração de leads é que o lead tem a possibilidade de fazer o download do material e ler no momento e local que ele preferir, assim ele vai lembrar da sua empresa sempre que consultar o e-book. Além disso, os livros digitais são um conjunto único de informações, por isso eles tendem a repercutir bastante.

Para produzir um e-book é preciso de um grande esforço de design na parte de diagramação, e de redatores para a produção do conteúdo, mas você pode otimizar esses esforços de redação fazendo um compilado de textos que já estão no seu blog, por exemplo.

Podcasts

Podcast é uma gravação de áudio que aborda determinado assunto. Ele é um ótimo tipo de conteúdo porque o seu lead pode ouvir o podcast enquanto trabalha ou exerce outras funções, e isso é muito relevante para os dias atuais em que as pessoas precisam se manter atualizadas, mas estão sempre sem tempo.

Podcasts são relativamente fáceis de produzir, basta captar o áudio através de um celular ou microfone e editar o som em algum software de edição de áudio.

Templates

Templates são modelos visuais prontos para serem preenchidos com conteúdo, como por exemplo, um canva para planejamento de campanha de marketing. A grande vantagem de disponibilizar esse tipo de material é que você ajuda a resolver o problema do lead diretamente, afinal, com um template em mãos tudo que ele precisa fazer é preencher com as informações.

Para produzir um template a principal pessoa envolvida é um designer, que precisará construir o modelo e fazê-lo ficar visualmente atrativo.

Conteúdos para geração de leads

Kits

Um Kit é a junção de diversos conteúdos sobre determinado assunto. Por exemplo: um kit para aumentar as vendas de uma empresa poderia conter um e-book sobre motivação de equipe, um vídeo sobre técnicas de vendas e uma planilha para acompanhar as metas de vendas.

Um kit pode dar um certo trabalho para ser produzido “do zero”, no entanto, você pode simplesmente juntar conteúdos que já estão disponíveis no seu site e disponibilizar em uma pasta zipada.

Planilhas

Planilhas prontas, com fórmulas e campos para serem preenchidos funcionam muito bem como um  conteúdo de captura, afinal, todo mundo usa planilhas hoje em dia – seja para organização pessoal ou profissional – e modelos prontos podem facilitar e muito a vida da sua persona.

Planilhas são bastante simples de se fazer, basta um pouco de conhecimento técnico para construir fórmulas e estilizar as células a partir de uma planilha em branco.

Pesquisas

Uma pesquisa é um conjunto de dados sobre determinado assunto disponibilizados de forma organizada e visualmente atrativa. Esse é tipo de conteúdo certeiro para geração de leads, pois trata-se de informações inéditas, que só a sua empresa possui. Além disso, pesquisas são fontes de dados e outras pessoas podem utilizá-las como referência, assim o seu material terá uma grande repercussão.

Pesquisas podem ser feitas através da coleta de informações entre seus clientes ou contatos já capturados. Depois disso basta computar os dados e diagramar de uma forma que fique visualmente agradável. O único ponto negativo desse tipo de conteúdo é que empresas novas no mercado podem ter dificuldade na hora de levantar os dados, já que não têm base de contatos, histórico ou muitos clientes de onde podem coletar essas informações.

Infográficos

Infográfico é a representação visual de um conjunto de informações. Hoje em dia as pessoas buscam cada vez mais por conteúdos visuais, por isso infográficos podem ser uma ótima forma de apresentar informações complexas de um jeito fácil e divertido.

Um infográfico não é muito difícil de fazer, inclusive há muitas ferramentas gratuitas que disponibilizam modelos prontos, o único grande esforço é juntar as informações e coloca-las no gráfico de maneira que fique entendível para todos.

Webinars

Um webinar é um seminário online onde um ou mais especialistas explicam sobre um determinado assunto para um público. Funciona como um tipo de web conferência ao vivo, por isso possibilita interagir com o lead no momento do seminário, estabelecendo um relacionamento mais próximo. Além disso você também pode armazenar o webinar ao vivo e disponibilizá-lo mais tarde no seu site em formato gravado.

A grande vantagem desse formato de conteúdo é que muitas pessoas ainda preferem visualizar uma explicação, como se fosse uma aula, do que apenar ler ou ouvir.

Há várias ferramentas gratuitas que fazem transmissão ao vivo, inclusive o YouTube, portanto você não terá grandes dificuldade em executar um webinar.

2 – Use CTAs

CTA (sigla para call to action) é um recurso utilizado para encaminhar a pessoa até uma próxima ação. As CTAs podem ser em formato de um botão, um banner ou até um pedaço de texto com um link.

São as CTAs que podem fazer um usuário se tornar lead, pois com a abordagem correta ele se sentirá atraído e fornecerá os dados pessoais para continuar consumindo os conteúdos da sua empresa.

É importante destacar que há uma linha tênue entre ter uma CTA chamativa, que realmente atraia a atenção do usuário e uma CTA que atrapalha a experiência da pessoa na página (como um banner piscando que fique na frente do texto, por exemplo).

As CTAs devem ser utilizadas principalmente em posts de blog e devem estar em um contexto, ou seja, deve fazer sentido para aquela pessoa, naquele momento, clicar na call to action. Imagine, por exemplo, se exatamente agora eu inserisse um banner convidando você para baixar um e-book sobre gestão de vendas. Nada a ver com o contexto em que estamos, certo?

3 – Tenha bons formulários

Formulários são muito importantes para a geração de leads, afinal, é a principal forma de capturar as informações de um usuário e transformá-los em um contato.

Por isso, eles precisam ser bem pensados! Não adianta encher seu site de formulários com muitos campos de preenchimento sem utilidade, é preciso adotar algumas boas práticas, como:

  • Peça apenas as informações indispensáveis: nada de formulários longos, com perguntas desnecessárias. Pergunte o indispensável e somente o indispensável para capturar as informações do seu contato, caso contrário, por mais atraente que o seu conteúdo pareça ser, um formulário grande pode espantar os seus possíveis leads.
  • Preenchimento automático: depois do boom do marketing digital, as pessoas demonstram estarem um tanto quanto cansadas de preencher tantos formulários. Por isso, você pode configurar seu site para preencher os formulários automaticamente com informações do usuário armazenadas em cookies.

4 – Armazene o Lead no CRM

Se você seguir todas as nossas dicas sobre geração leads, certamente vai ter um grande número de contatos capturados! Por isso, é muito importante ter todas as informações dos seus leads centralizadas em um só lugar, e a melhor forma de fazer isso é com um CRM.

CRM (sigla para customer relationship management) é um sistema que permite armazenar todos os dados dos contatos da sua empresa, assim, quando chegar na hora de vender a equipe comercial já terá todas essas informações no software.

No entanto, para que isso aconteça primeiro você precisa nutrir os leads, mas isso já é assunto para um próximo texto.

Para continuar aprendendo sobre geração de leads, baixe nosso e-book completo sobre leads. Basta clicar na imagem abaixo:

E-book Leads: Tudo que você precisa saber para qualificar e gerenciar leads no seu negócio